Brincadeiras juninas: veja sugestões e dicas para esquentar o seu arraiá

Brincadeiras de Festa Junina Capa

O que pode ser melhor do que uma festa junina com quadrilha, quentão e canjica? Uma festa com brincadeiras juninas!

Ainda que em algumas regiões as brincadeiras possam variar um pouco, todos nós já conhecemos as brincadeiras juninas mais tradicionais, como pescaria e jogos de pontaria. Com um pouco de criatividade, conseguimos torná-las mais interessantes.

Lembre-se! Algumas brincadeiras juninas pedem prêmios. Então, prepare-se para arrecadar prendas e patrocínios ou para desembolsar uma quantia. Os prêmios mais simples podem ser caixinha de bombinhas, beijo-quente, pé-de-moleque ou outra guloseima. Os mais sortudos ganham prêmios mais caprichados, como brinquedos para crianças, bebidas para adultos. Tudo depende do orçamento da festa!

Festas mais informais, com família e amigos próximos, podem até dispensar prêmios, pois, nesse caso, os caipiras entram na brincadeira por pura diversão. Acompanhe o conteúdo e saiba mais.

Ideias de brincadeiras juninas

Confira algumas dicas para tornar as brincadeiras juninas ainda mais divertidas:

1. Correio elegante

Vamos começar pela brincadeira mais simples de confeccionar. O correio elegante é o Tinder e o WhatsApp das festas juninas. Recorte cartões de cartolina em forma de coração e decore-os com corações, bandeirinhas, estrelas.

Escolha um “carteiro” eficiente e deixe os cartões, canetas e canetinhas à disposição dos convidados. Assim, eles podem contar com os serviços do carteiro para mandar mensagens de amor ou de amizade.

2. Pescaria

Esta é uma das brincadeiras mais conhecidas e agrada crianças e adultos. Os peixinhos podem ser de brinquedo ou feitos em papel cartão. Nesse caso, use a criatividade, cole lantejoulas e – por que não? – desenhe uma botina, pneu ou sereia. Afinal, toda pescaria reserva algumas surpresas.

As varinhas são feitas de bambu e levam um pedaço de barbante com um ganchinho ou um anzol.

Os peixinhos devem ser numerados, fixados em argolas e espalhados em um recipiente com areia dentro da barraquinha ou em local apropriado. O número do peixinho pescado corresponde ao prêmio que o pescador recebe.

3. Bingo

Bingo

Bingo é uma das brincadeiras juninas mais tradicionais, certo? Então, mãos à obra para tornar esse momento um dos mais esperados da festa! Eis o que você precisa:

  • Cartelas de bingo, que podem ser decoradas com motivo junino.
  • Marcadores para os jogadores. Podem ser lápis, mas marcadores de gamão são melhores, porque permitem o reaproveitamento das cartelas.
  • Um sorteador de números. Em geral, é aquela esfera com bolinhas numeradas, mas hoje existem aplicativos de bingo.
  • Um cantador de bingo. Capriche nesta escolha! É fundamental ele ser um bom comunicador, com uma voz sonora, uma pessoa divertida, que saiba fazer suspense e que cative a atenção de todos. Cantar o número 51 como “uma boa ideia, ou o 22 como “dois patinhos na lagoa” é um clássico do bingo.
  • Um prêmio, claro! Bingos sorteiam desde prêmios grandes, como um carro, até prêmios acessíveis, como uma cesta de doces, dependendo da magnitude da festa. Mesmo prendas simples, como ingressos para o cinema ou uma caixa de paçoca, não tiram a graça do jogo.

As regras, todos conhecem: ganha quem completar a cartela primeiro.

4. Cadeia

Cadeia Festa Junina

“Seu delegado, prende o Tadeu…”. Nessa brincadeira junina, os caipiras acusam “criminosos” para serem presos. Podem ser pretendentes – para passarem momentos juntos, ou dois desafetos, para fazerem as pazes. Mas geralmente é uma zoeira entre amigos, que deve ser levada com senso de humor.

Fabrique a prisão com bambu, cordas, cadeiras, grades, ou reserve um recinto possível de ser trancado, com grades na janela.  Na cadeia deve ficar pelo menos um carcereiro com a chave, enquanto o outro (ou outros) perambulam pela festa, buscando prisioneiros.

A saída da prisão deve ser determinada pelo pagamento da fiança ou por uma tarefa submetida ao presidiário, como cantar uma música, fazer flexões…

5. Boca do palhaço

Esta é uma brincadeira que agrada também os pequeninos. A regra é simples: mediante três tentativas, acertar pelo menos uma bolinha na boca do palhaço.

Capriche no desenho do painel, fazendo o rosto de um palhaço bem simpático, com um buraco no lugar da boca, e posicione-o nem tão próximo, nem tão longe dos jogadores. As bolinhas podem ser de pingue-pongue, borracha ou de tecido e areia.

6. Bola na Lata

Esta brincadeira também é conhecida como Derruba Latas ou Tiro ao Alvo, embora não haja tiros.  O objetivo é derrubar todas as latas com uma bola. Torne o jogo mais divertido decorando as latas com caretas, desenhos de bichos, figuras do folclore, ou o que sua imaginação permitir.

Organize as latas em forma de pirâmide sobre uma mesa dentro da barraquinha ou em um local apropriado. Os participantes terão três tentativas de arremesso. Faça um placar de acertos e especifique os prêmios, do menor para o maior.

7. Argolas

Argolas

Para essa brincadeira, tudo o que precisaremos são garrafas pet cheias de água e argolas. Os caipiras devem arremessar as argolas de uma distância determinada e tentar acertá-las no gargalo. São cinco tentativas para cada jogador.

Faça um placar de pontuação e premiação. As garrafas mais distantes valem mais pontos, claro.

8. Rabo do burro

Mais um jogo de pontaria, mas dessa vez, o jogador tem os olhos vendados.  Um burro sem rabo é desenhado em um grande painel e o participante segura um suposto “rabo” feito de pano ou fitas. Se o painel for feito em feltro, a base do rabo pode ser de velcro. Se o desenho em papel, o rabo pode ter fita adesiva dupla face na base.

O jogador vendado deve ser girado até perder a noção de direção. Depois disso, ela deve encontrar o painel e colar o rabo do burro o mais próximo possível do lugar certo.

9. Corrida de saco

Brincadeiras juninas corrida de saco

Para essa brincadeira são utilizados sacos grandes de estopa ou um material áspero, para não escorregar. Os jogadores entram dentro do saco e ficam posicionados atrás da linha de partida.

Após o sinal, todos correm em direção à linha de chegada. O objetivo é chegar o mais rápido possível, sem tombos. É mais difícil do que parece!

10. Corrida de carrinho de mão

Os jogadores são divididos em pares. Um segura o outro pelos pés, enquanto o outro fica com as mãos no chão. Por isso, é muito importante proteger o chão com tapetes e verificar se não há pedrinhas ou algo que possa machucar o jogador.

Ao sinal da largada, todas as duplas saem juntas. Ganha quem chegar na linha final primeiro.

11. Corrida do milho

Esta brincadeira junina é uma das mais típicas. Você precisa de grãos de milho, bacias ou outros recipientes, colheres, copos e pelo menos duas duplas.

Para cada dupla deve haver uma bacia cheia de milho na linha de chegada. Saindo da largada, um dos participantes corre até a bacia, enche a colher com o milho e regressa de onde partiu para encher o copo do seu companheiro.

Esse participante deve ser rápido e bom equilibrista, porque inevitavelmente cai milho por todos os lados no percurso. Vence a dupla que encher o copo primeiro.

12. Dança da laranja

Brincadeiras juninas laranja

Uma das brincadeiras juninas preferidas dos casais. Várias duplas de participantes devem dançar no ritmo de uma sequência de músicas caipiras com uma laranja na testa, tomando todo cuidado para derrubá-la.

A dupla que deixa a laranja cair sai do jogo. Vence quem aguentar dançar com a fruta durante mais tempo.

13. Corrida do ovo

Ovo colher

Para essa corrida, precisaremos de colheres, recipientes para a linha de saída e de chegada e ovos. Os participantes seguram o ovo cru na colher com a boca e devem depositá-lo em um recipiente na linha de chegada, repetindo o percurso quantas vezes o juiz determinar. Vence quem chegar primeiro na linha de chegada sem derrubar os ovos.

É claro que ovos cairão no caminho, fazendo uma bagunça danada e essa é a graça. Se forem crianças menores, elas podem segurar a colher com as mãos e os ovos podem ser cozidos.

14. Corrida de três pernas

Nessa brincadeira, as duplas precisam unir suas pernas com uma tira de pano. Na largada, eles devem correr juntos, como se tivessem três pernas. É claro que será uma corrida com participantes desengonçados, o que será muito engraçado. Vence a dupla que chegar primeiro à linha de chegada.

“Olha, quem tá fora quer entrar, mas quem tá dentro não sai…”

Depois dessas dicas de brincadeiras juninas, você não vê a hora da fogueira chegar, né? Afinal, não há quem resista a um “arraiá” tão animado! E você, tem dicas de outras brincadeiras animadas para festas juninas? Deixe as suas ideias aqui nos comentários!