Como assentar porcelanato: veja como fazer em 8 tipos diferentes

O porcelanato, atualmente, é considerado um dos pisos mais desejados do mercado de construção. Um dos principais motivos é a junção da beleza e da praticidade na hora de limpá-lo, além disso, ele é resistente e possui inúmeras possibilidades de cores e tamanhos.

Caso você esteja pensando em colocá-lo na sua casa e tem algumas dúvidas de como fazê-lo, neste artigo daremos dicas de como assentar oito tipos de porcelanatos diferentes. Para solução de todas estas dúvidas, continue lendo o texto a seguir!

Materiais indispensáveis para assentar qualquer tipo de porcelanato

Materiais indispensáveis para assentar qualquer tipo de porcelanato

Antes de você dar prosseguimento as dicas, não deixe de separar ou comprar os seguintes materiais para que você tenha eficácia no seu resultado:

  • Desempenaderia de borracha;
  • Desempenaderia dentada de aço;
  • Compasso de madeira;
  • Macete de PVC ou borracha;
  • Martelo picadeira;
  • Torquês;
  • Espaçadores;
  • Separador de placa cerâmica;
  • Caneta hidrográfica;
  • Esquadro metálico;
  • Prumo;
  • Lápis de pedreiro;
  • Colher de pedreiro;
  • Riscador de placa cerâmica;
  • Argamassa;
  • Medidor de volume;
  • Trena;
  • Vassoura de piaçava;
  • Mangueira de nível;
  • Régua de alumínio;
  • Caixa para argamassa.

Limpeza é importante antes de tudo

Antes de dar início a quaisquer um dos procedimentos de como assentar porcelanato, um dos fatores imprescindíveis para o sucesso é a limpeza anterior ao processo.

É primordial não se esquecer de deixar o contrapiso ou as paredes bem limpas, eliminando toda e qualquer imperfeição existente. Limpe a área com a vassoura de piaçava e, se não houver poças ou caroços na superfície, pronto: hora de colocar o porcelanato!

Como assentar porcelanato em parede

Você deve estar pensando: porcelanato na parede? Sim, é possível! Confira o passo a passo dessa técnica logo abaixo:

  1. Coloque a argamassa já umedecida, na caixa própria;
  2. Conforme recomendação do fabricante da argamassa, acrescente água limpa;
  3. Misture com a colher de pedreiro até que a argamassa fique homogênea e consistente;
  4. Espere 15 minutos até a argamassa atingir o ponto de maturação – aproveite esse momento para limpar a placa com uma esponja úmida;
  5. Faça verificação do nível da parede;
  6. Não se esqueça de fazer o processo de limpeza como explicado no tópico sobre higienização;
  7. Se a argamassa estiver muito ressecada, umedeça bem rápido;
  8. Espalhe a argamassa numa pequena parte da parede usando o lado liso da desempenadeira – atenção: a quantidade de argamassa usada depende do rendimento de cada profissional;
  9. Pegue a colher de pedreiro, aplicando a argamassa nas costas do piso;
  10. Com a desempenadeira dentada passe em toda extensão do porcelanato;
  11. Assente a primeira placa conforme modulação;
  12. Não esqueça de passar a argamassa na quina da parede também;
  13. A mistura de argamassa nas costas do piso com a junção da argamassa na parede auxiliará na “cola” do porcelanato na parede;
  14. Com o martelo de borracha, bata nos cantos da placa. E depois bata no meio.
  15. Aguarde 72h para aplicar o rejunte;
  16. É importante que nesse tempo a parede fique “descansando” para ser rejuntado sem problemas. Inclusive, por conta da peça de porcelanato poder desprender com o tempo.

Como assentar porcelanato 60X60

Como assentar porcelanato 60X60

Assentar o porcelanato de 60 por 60 centímetros é um dos processos mais fáceis por ser uma das menores placas. Quer saber mais? Basta seguir nossas dicas abaixo!

  1. Acomode a argamassa em uma caixa previamente umedecida;
  2. Acrescente água limpa na caixa com a argamassa;
  3. Faça a mistura com a colher de pedreiro até que a argamassa fique totalmente misturada e consistente;
  4. Aguarde por 15 minutos até a argamassa atingir o ponto de maturação – lembrando que esse é o momento de higienizar a placa com uma esponja úmida;
  5. Verifique o nível do contrapiso. Use o lápis de pedreiro e a trena marque um ponto distância de 1 metro acima do contrapiso;
  6. Com ajuda da mangueira de nível, marque o segundo o ponto;
  7. Varra o piso – conforme orientado no tópico sobre a limpeza antes de colocar argamassa;
  8. Caso a argamassa esteja ressecada, umedeça ligeiramente;
  9. Em um pequeno trecho do contrapiso, espalhe a argamassa, usando a lado liso da desempenadeira;
  10. Com o lado dentado da desempenadeira passe na superfície, em um ângulo de inclinação de 60 ° em relação ao contrapiso;
  11. Volte com a colher de pedreiro e aplique a argamassa na parte não esmaltada da peça;
  12. Já com a desempenadeira dentada, passe em toda extensão da placa;
  13. Assente o primeiro porcelanato conforme modulação. Atenção que essa peça deve colocada no local de maior visibilidade do ambiente, evitando, assim, cortes no local;
  14. Bata nos cantos da placa com o martelo de borracha. Siga o mesmo no meio, até amassar os cordões de argamassa;
  15. Sem assentar, coloque na outra extremidade do contrapiso, uma placa de referência;
  16. No vértice da primeira placa fixe um prego de aço;
  17. No outro extremo, fixe outro prego no vértice da placa. Amarre o fio de nylon bem esticada entre os pregos;
  18. Fixe uma linha perpendicular e verifique o esquadro entre elas: a distância entre a linha e o vértice deve ser de um 1 milímetro.
  19. Repita os mesmos procedimentos anteriores para colocar outras placas;
  20. Coloque espaçadores entre os porcelanatos conforme a empresa de engenharia ou fabricante da cerâmica;
  21. Nos vértices, insira também os espaçadores;
  22. Pronto! Aguarde 72 horas para rejuntar o piso todo.

Como assentar porcelanato retificado

Por conta das vantagens de amplitude, facilidade na limpeza e acabamento superior, muitas pessoas acabam escolhendo o porcelanato do tipo retificado. Na verdade, em comparação ao assentar o porcelanato do tipo “bold” e o retificado, não tem muita diferença no que foi citado anteriormente.

Porém existem alguns pontos a serem destacados abaixo:

  • Você consegue assentar as peças com uma maior proximidade entre elas;
  • Por conta desse detalhe do ângulo reto, é mais fácil “encaixar” uma placa na outra, diminuindo o tempo de trabalho e de efeitos indesejados;
  • O uso de rejunte é bem inferior do que no tipo comum de porcelanato;
  • A linha reta auxilia a ideia de continuidade no piso, criando a sensação do ambiente ser maior do que realmente é.

Como assentar porcelanato retificado na parede

Você tem dúvidas de como assentar porcelanato retificado na parede? Volte às instruções de como assentar porcelanato na parede já que os passos são exatamente os mesmos.

No entanto, lembre-se sempre que as placas retificadas mesmo na parede:

  • São mais fáceis de serem colocadas e com maior aproximação por com conta do ângulo de 90 graus;
  • A execução do trabalho é em menor tempo, já que são placas retas. Isso também é um fator decisivo para eficácia do trabalho e evitando perdas de material;
  • O rejunte que será utilizado é razoavelmente em quantidade menor do que se fosse com uma placa de porcelanato sem a retificação.

Como assentar porcelanato 70×70

Muitas pessoas têm receio de assentar placas de porcelanatos maiores, como é no caso da 70 por 70 centímetros. Mas o processo a ser realizado é exatamente o mesmo descrito na parte de “como assentar porcelanato de 60×60” localizado acima desse tópico.

Porém tenha a atenção a essas dicas:

  • Por serem peças maiores, elas são mais pesadas. Cuidado ao manipulá-las;
  • A argamassa costuma secar muito rápido, então a agilidade no assentamento deve ser redobrada para que não haja retrabalho;
  • Uma das vantagens, por outro lado, é que assim como as placas retificadas, o uso de rejunte é menor;
  • Menos rejunte, maior econômica de produto e mais facilidade para limpar.

Como assentar porcelanato de grandes formatos

Como assentar porcelanato de grandes formatos

Os processos a serem realizados para assentar o porcelanato de grande formato é o mesmo do que está descrito nos outros tópicos. No entanto, apresentamos algumas diferenças:

  • O assentamento deve ser feito no sistema de dupla camada: aplicação de argamassa colante na base e no verso da placa;
  • É imprescindível que o trabalho seja realizado por uma equipe, já que uma pessoa sozinha não consegue manusear a peça;
  • A aplicação das peças deve ser na base, pressionando até conseguir o amassamento dos cordões;
  • O uso do martelo de borracha é imprescindível nesse procedimento;
  • Atenção ao cuidado em manipular as placas, afinal quanto maiores, mais pesadas;
  • Uma das grandes vantagens, é o menor uso de rejunte como acabamento.

Como assentar porcelanato de um metro

Por conta do grande valor agregado em sua utilização, o porcelanato de um metro como o de grandes formatos são os mais desejados por muitos profissionais de construção e decoração, assim como os proprietários de imóveis.

Para assentar essa peça de um metro, você deverá seguir os passos já mencionados no tópico de como assentar peças de 60 por 60. Mas como em qualquer outro caso com suas especificações, algumas dicas devem ser seguidas:

  • As caixas do porcelanato devem ser transportadas com cuidado, para que não haja danificação. É importante frisar que essas peças costumam ser muito pesadas;
  • Assim como no tópico acima, lembre-se que é necessária uma equipe para fazer o assentamento das placas de porcelanato por estas serem extremamente pesadas;
  • Uso de ventosas e outros equipamentos são indispensáveis para excelência no resultado;
  • Peças com grandes dimensões devem ter uma mão-de-obra especializada envolvida, exatamente para que o resultado seja como o esperado, mas, também, para que possa diminuir os custos envolvidos na operação;
  • Além da questão do nivelamento mencionado nos tópicos de assentamentos de porcelanato na parede e de 60 por 60 centímetros, atenção com fissuras no contrapiso: lembre-se que estas placas possuem um custo muito elevado e quaisquer erros nessa parte, você poderá ter um prejuízo de três vezes ao seu custo inicial;
  • Além de facilidade de limpeza, o baixo uso de rejunte, a beleza única em porcelanato com tamanho acima de 1 metro compensa todo o trabalho envolvido, com um resultado de pura sofisticação.

Como assentar porcelanato no banheiro

Como assentar porcelanato no banheiro

Assentar o porcelanato no banheiro segue os mesmos procedimentos de como já explicado nos tópicos anteriores: “como assentar porcelanato em parede” e “como assentar porcelanato de 60×60”. Mas como já visto em cada um dos tópicos presentes, esse processo tem algumas diferenciações:

  • O porcelanato pode ser assentado em quaisquer partes do banheiro: piso, paredes, bancadas ou, ainda, fazer um mix com outros tipos cerâmicas;
  • A aderência é um fator importante a destacar no porcelanato a ser usado dentro do box do chuveiro: pelo fator segurança, já que o piso não pode ser escorregadiço.

Beleza versus dificuldade

Não tem como afirmar que assentar porcelanato não é uma das tarefas mais fáceis na construção civil, mas com muita pesquisa, adquirindo os materiais corretos e com a consultoria de um azulejista de alta excelência; você terá todo apoio necessário para que você mesmo possa fazer o serviço.

Ainda assim, qual parte que você considera mais difícil no processo de assentar porcelanato? Comente abaixo para que possamos saber mais!